Concurso Nacional Novos Poetas. Poetize 2020.

210 visualizações

Estão abertas as inscrições para o Concurso Nacional Novos Poetas, Poetize 2020.

Podem participar do concurso todos os brasileiros natos ou naturalizados, maiores de 16 anos.

Cada candidato pode inscrever-se com até dois poemas de sua autoria, com texto em língua portuguesa.

O tema é livre, assim como o gênero lírico escolhido. Serão 250 poemas classificados.

A classificação dos poemas resultará no livro, Poetize 2020. Antologia Poética.

 O certame está entre os mais destacados concursos literários da língua portuguesa.

A licença poética em pleno exercício, através do ineditismo da nova poesia em sua forma e conteúdo.

A poesia contemporânea egressa do cotidiano, merecedora das condições de permanência entre o que há de melhor no patrimônio literário brasileiro.

O concurso literário é uma importante iniciativa de produção e distribuição cultural,

alcançando o grande público, escolas e faculdades.

Inscrições gratuitas

De 05 de agosto a 05 de dezembro de 2019 pelo site: www.premiopoetize.com.br

Para o esclarecimento de dúvidas, reclamações e sugestões, escreva para o endereço da Vivara Editora Nacional, atendimentotelefone@vivaraeditora.com.br

Realização: Vivara Editora Nacional

Apoio Cultural: Revista Universidade

Author: Prof. Sebastião Valdemir Mourão

SÍNTESE SOBRE O AUTOR

Professor universitário aposentado.

Nasceu em Ipu Ce a 24/06/1952.

Mestre em Letras / Linguística pela UFSC em 1989, onde foi membro da comissão que reestruturou o curso de Mestrado e que implantou o Doutorado em Letras na  Universidade Federal de Santa Catarina.

Lecionou nos melhores colégios do Ensino Médio de Fortaleza. Recebeu várias honrarias como professor e possui diplomas de cursos e seminários nacionais e internacionais.

É membro de várias associações e academias, dentre elas ocupa a cadeira n°19 da Academia Cearense da Língua Portuguesa  da qual foi seu presidente em dois mandatos e a cadeira nº 2, da Academia Ipuense de Letras, Ciências e Artes da qual foi presidente e fundador.

Foi Conselheiro do Conselho Estadual de Educação do Ceará, ocupando a Presidência da Câmara de Educação Básica por vários anos.

Figura na Enciclopédia de Literatura Brasileira de Afrânio Coutinho; no Dicionário da Literatura Cearense de Raimundo Girão e Maria da Conceição Sousa e na mais recente publicação da crítica cearense, intitulada Crítica Reunida de Giselda Medeiros.

Você também pode gostar

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais

Iniciar Whatsapp
1
Precisa de ajuda?
Olá,
Podemos ajudar?
Powered by